Mulheres ocupam diferentes espaços no mercado da limpeza profissional

Elas conquistam prêmios, promoções e buscam desenvolvimento na vida profissional e pessoal                              

Há uma participação importante das mulheres no mercado da limpeza profissional, onde se destacam em diferentes áreas.

Do operacional à gestão, elas deixam sua marca ao executar o trabalho com eficiência, dedicação, força e gentileza.

Renata Arrepia, coach profissional

“Mulheres têm o poder de uma liderança gentil e o mundo precisa disso. Elas conseguem ser firmes e gentis, e sabem como fazer com que as pessoas realizem bem o seu trabalho”, enfatiza Renata Arrepia, que atua como coach profissional há quinze anos.

Sem dúvida, cada vez mais mulheres buscam se capacitar e evoluir na profissão, almejando cargos de liderança.

Ana Claudia Marigliani Chelucci, UniAbralimp

Para contribuir com essa busca de crescimento, em 2023, a UniAbralimp realizou a primeira edição do Programa de Mentorias para Mulheres, que ocorreu entre 26 de setembro e 21 de novembro.

Segundo Ana Claudia Marigliani Chelucci, coordenadora de cursos da UniAbralimp, o programa recebeu 11 participantes.

Foram cinco mentoras e seis mentoradas, que participaram sob o acompanhamento de Renata Arrepia.

Renata pontua que a proposta de realizar o programa de mentorias apenas com mulheres tem um valor especial.

“Ninguém melhor do que uma mulher para colaborar com outra”, diz.

Na voz das participantes

Edilaine Siena, Grupo GPS

Edilaine Siena, do grupo GPS, participou como mentora voluntária e relata que a experiência foi não apenas um desafio gratificante, mas uma oportunidade de impactar positivamente a vida de duas mulheres, ajudando-as em seu crescimento pessoal e profissional.

“Acredito firmemente na importância de não apenas transferir conhecimento, mas também de cultivar um ambiente que promova a autonomia e a confiança. Encorajei-as a explorar novas ideias, assumir desafios e aprender com os momentos de adversidade”, conta Edilaine ao explicar que a valorização foi um elemento central em sua abordagem.

Segundo Edilaine, a experiência solidificou a sua compreensão de que, por meio do compartilhamento e da construção mútua, é possível criar um impacto duradouro e inspirar outros a trilharem caminhos de sucesso e autodescoberta.

Leide Patricia R. S. Cerqueira, da Indeba

Para Leide Patricia R. S. Cerqueira, gerente técnica de operações da Indeba, que participou como mentorada.

Em suma, diz que a oportunidade proporcionou um salto tanto na vida profissional quanto pessoal.

“Consegui perceber coisas que não enxergava, mesmo diante de meus olhos, principalmente na questão profissional. Não percebia o quanto deveria valorizar cada atitude minha e passei a mostrar um pouco mais do meu trabalho. Tenho clareza de ainda estar longe de onde quero chegar, mas dei os primeiros passos para um processo contínuo de evolução. E isso não ficou apenas no âmbito profissional”, destaca Leide.

Promovendo transformações

A mentoria contribui para a troca de experiências, insights, desenvolvimento e descoberta de habilidades e uma verdadeira transformação comportamental para a vida pessoal e profissional.

“Muitas vezes a emoção impede os nossos resultados e ter a oportunidade de saber como controlar tanto a emoção como os pensamentos nos faz ir mais longe”, afirma Renata.

De modo geral, a participação feminina em cursos da UniAbralimp teve um resultado positivo em 2023.

Ana Cláudia conta que 58% dos participantes foram mulheres buscando capacitação tanto nas áreas operacionais como em gestão.

Maria Madalena Santana da Silva

A necessidade de estudar mais e buscar aperfeiçoamento é um aspecto notado por Maria Madalena Santana da Silva, a Mada, como é conhecida entre os colegas de trabalho no Hospital HCor, onde atua há mais de 20 anos no setor de limpeza.

Ela foi ganhadora da categoria Heroína do Ano do Prêmio Notáveis 2022, promovido pela CNN Brasil.

Conta que o prêmio estimulou outras colegas e, ela mesma, se diz mais motivada a realizar um trabalho cada vez melhor.

“Crescemos quando trabalhamos com fé e prazer. É preciso vontade para buscar melhorias”, diz Mada ao ressaltar que as mulheres devem aproveitar as portas que se abrem para crescer na profissão.

Mulheres buscam capacitação e desenvolvimento nas mais diversas áreas

Vencedoras em diferentes áreas

Gabriela Vitória dos Santos

Entre os exemplos de mulheres que se destacam no mercado da limpeza está Gabriela Vitória dos Santos, vencedora por dois anos seguidos (2022/2023) do campeonato nacional de limpeza de vidros.

“Os dois títulos significam muito para mim. Ver que todo o esforço e a dedicação à minha profissão têm me dado bons frutos é gratificante”, diz.

Gabriela relata que, desde que iniciou na área, conheceu algumas mulheres que tiveram suas vidas transformadas pela limpeza de vidros.

“É muito bom ver que as mulheres vão tomando seu espaço nesse ramo que é em sua maioria ocupado por homens. Acredito que o crescimento será constante e o número de mulheres na limpeza de vidros, em geral, será cada vez maior”, afirma.

Abralimp terá mulher na presidência

E as conquistas femininas estão em diferentes postos.

Pela primeira vez uma mulher ocupará o cargo de presidente executiva da Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional (Abralimp).

Nathalia Ueno assume o cargo a partir de janeiro de 2024.

Ela terá o desafio de prosseguir com as estratégias de desenvolvimento do mercado e de abrir novas portas para fortalecer a representação da Abralimp em todo o Brasil

Nathalia Ueno, Abralimp

“Quero destacar a participação das mulheres no mercado da limpeza profissional enquanto líderes e gestoras talentosas. A presença delas em cargos de gestão, que vem sendo ampliada a cada ano, reflete não apenas sua habilidade técnica, mas também sua capacidade de liderar equipes de maneira eficaz”, diz

Segundo Nathalia, é com sensibilidade, atenção aos detalhes, perspectivas e abordagens inovadoras que as mulheres trazem para o setor um impacto significativo na formulação de estratégias, tomada de decisões e liderança de equipes.

Nathalia vê a Mentoria para Mulheres, da UniAbralimp, além da oportunidade de alavancar a presença delas em cargos gerenciais, mas como um meio para elevar a contribuição que elas podem dar para as empresas do mercado.

Segundo levantamento interno, 20% das empresas associadas possuem mulheres como representantes na Abralimp.

Entretanto, apenas 9% dos cargos na gestão voluntária da associação é ocupado por elas.

Certamente, isso demonstra que ainda há bastante espaço para avançar.

E para quem quer crescer, Ana Cláudia já anuncia que o planejamento 2024 da UniAbralimp inclui mais duas edições, uma em cada semestre, do Programa de Mentorias para Mulheres.

Profissionais interessadas em participar podem entrar em conato através do e-mail: coordenacao@uniabralimp.org.br.

A Abralimp parabeniza as mulheres pelas suas conquistas e coloca-se à disposição para colaborar com o seu crescimento profissional no mercado da limpeza.

Fonte: Abralimp

Fotos: Freepik / Divulgação